Your browser (Internet Explorer 6) is out of date. It has known security flaws and may not display all features of this and other websites. Learn how to update your browser.
X
Nota

Sai da tua cadeira! Os riscos de saúde associados a uma rotina diária sedentária.

“O exercício faz bem”. “Mantém te saudável”.

Todos nós temos ouvido afirmações deste género, lembrando a importância de um estilo de vida ativo. A ideia que o fitness é essencial para o bem-estar deriva dos efeitos positivos que exercício tem sobre níveis de gordura corporal, saúde cardíaca e pressão sanguínea. Porem há mais pormenores a tomar em conta.

Embora exercício é bastante importante, vários estudos científicos recentes tem vido a investigar os efeitos de um estilo de vida sedentário sobre o corpo. Estes estudos mostram que, mesmo quando tomando em conta os níveis de atividade física e a idade, indivíduos que estão mais tempo sentados tem maiores níveis de mortalidade, em comparação com os que se sentam menos.

A ideia que estar sentado é um risco para a saúde é naturalmente preocupante Nesta sociedade Ocidental grande parte dos nossos dias são passados de forma sentada. Estamos sentados no trabalho, na escola, em casa e a caminho destes. Tudo este tempo sentado acumula rapidamente e torna-se problemático. Estes estudos científicos descobriram que estar sentado continuamente pode aumentar o seu risco de mortalidade até 40%, durante um período de 15 anos. Tudo depende de quanto tempo está de facto sentado. Isto significa que mesmo quando praticam exercício, pessoas que trabalham sentados, tem o dobro dos níveis de doença cardiovascular, quando comparado com trabalhos mais ativos.

Isto acontece porque?

Quando nos sentamos a atividade elétrica das pernas essencialmente desliga. O queimar de calorias desce para níveis bastante baixos e, o nível de enzimas, que contribuem para reduzir a gordura corporal, descem substancialmente. Após duas horas de estar sentado o “colesterol bom” presente desce em 20%. Isto, em conjunto com o facto que a ingestão de comida também tende a aumentar significa, de forma bastante simples que, “estar sentado em demasiado torna te gordo”.

Que pode ser feito?

Estes estudos científicos mostram claramente que um estilo de vida sedentário tem vários riscos para a saúde. Também mostram que quebrar longos períodos de tempo sentado com ocasionais períodos de “tempo em pé”, tem como resultado menor circunferência de cintura, menor Índice Massa Corporal, menores níveis de lípidos no sangue, bem como maior tolerância á glicose.

È importante mexer-se! A solução é simples: sair da cadeira sempre que possível e mexer-se o máximo possível ao longo do dia. Quando abandonar a cadeira tente realizar algum exercício se for possível. Se não for possível, ande um pouco. Estes mesmos estudos científicos parecem mostrar que os efeitos negativos de estar sentado longos períodos pode ser reduzidos andando.

Estes resultados serão ainda melhores se decidir tornar o passear parte da sua rotina diária de fitness.
Passear trinta a sessenta minutos diariamente, com postura correta e envolvimento dos braços, tem vários benefícios para a saúde. Estes incluem diminuídas hipóteses de contrair cancro, diabetes tipo 2, doença cardíaca, ansiedade e depressão.

A esperança de vida aumenta mesmo se sofrer de obesidade ou tensão alta.
Passear também aumenta a saúde óssea, fortalecendo em particular os ossos das ancas. Em paralelo o perigoso colesterol LDL baixa enquanto o benéfico colesterol HDL aumenta. Mesmo doenças como Alzheimers ou demência podem ser prevenidas.

Quem pode dizer não a tantos benefícios?

O que quer que escolha fazer para dinamizar as horas que poderão tornar a sua vida sedentária, escolha algo que goste de fazer. Saia da cadeira e mexa-se! Divertir-se enquanto o faz assegurará que o fará muitas mais vezes. Isto por sua vez traduzirá num aumento em benefícios para a saúde.

Em final, partilhe a palavra divulgando o infográfico abaixo.

Sitting is Killing You
Via: Medical Billing And Coding

Sugestões de leitura:

http://www.thewalkingsite.com/
http://walking.about.com/od/beginners/a/quickstart.htm
http://walking.about.com/cs/walkoflife/a/walkoflife.htm

Leave a comment  

name*

email*

website

Submit comment